Esportes

Esporte: Medalhão resolveu deixar o Flamengo pois irá ganhar R$ 800 mil em um novo clube

Deixe sua avaliação
Esporte: Medalhão resolvel deixar o Flamengo pois irá ganhar R$ 800 mil em um novo clube
Esporte: Medalhão resolveu deixar o Flamengo pois irá ganhar R$ 800 mil em um novo clube

Esporte: Medalhão resolveu deixar o Flamengo pois irá ganhar R$ 800 mil em um novo clube

Ele é o nono colocado do campeonato Brasileiro já com 21 ponto, até essa data, estamos falando do flamengo que vem de três vitórias e duas derrotas nas 5 partidas passadas e disputadas e está a 9 pontos do líder Palmeiras, e a diretoria rubro-negra, está em busca de reformular e já tem a chegada de novos reforços bem importantes, tais como o Arturo Vidal e o Cebolinha. Mas não é só de contratação que vive a equipe rubro-negra, que poderá perder nomes nessa janela de transferência. Esporte: Medalhão resolveu deixar o Flamengo pois irá ganhar R$ 800 mil em um novo clube

Já o volante Wilian Arão já está finalizando com as negociaçõs com o Fenerbahçe da Turquia deixando assim o Flamengo.
Há informações de que o jogador receberá em torno de 1,7 milhçoes de Euros que é próximo de R$ 9,3 milhões na cotação de hoje em dia.
O que é quase R$ 800 mil mensais…

Sabemos que o Dorival gostava bastante dele, mas compreendeu a decisão da diretoria em querer negociar o jogador.

Arão vem de uma situação de desgaste com a torcida Rubro-Negra onde se tornou principal alvo das críticas. O jogador tinha contrato até 2023, mas com a proposta de 3 milhões de Euros acabou seduzindo a cúpula do Flamengo

Mostrar mais
Receitas da Mãe

Receitas da Mãe

Olá, como vai? Somos o “receitas da mãe” e estamos aqui para compartilhar com vocês maravilhosas receitas, coisa que amamos fazer que é estar na cozinha e apreciar desde comidas simples a lanches e muito mais… Esperamos proporcionar a vocês a melhor experiência e desde já agradecemos por sua visita.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo